Jornal da Mania

Empresário quer proibir bailes funk em todo o Brasil

19/06/2017 – 08h35

Marcus Marinho

Um microempresário apresentou ao Senado um projeto polêmico para tentar proibir os bailes funk em todo o Brasil. Marcelo Alonso, que mora em Guarulhos, na região metropolitana de São Paulo, disse que “o crime organizado domina os bailes”.

“O Brasil se tornou um lugar onde a prostituição e a pornografia viraram parte do turismo com o funk. Hoje é tão simples praticar o tráfico de drogas. É só ir a um pancadão”, disse Marcelo.

Ouça a cobertura do Jornal da Mania

Jornal da Mania – de 2ª a 6ª, das 06h às 07h

O microempresário disse que, depois de apresentar o projeto, passou a receber ameaças de morte por telefone. O senador Romário (PSB-RJ) foi sorteado para ser o relator do caso, mas ele já anunciou que vai rejeitar.

“Está em tramitação no Senado a sugestão de projeto de lei que criminaliza o funk. Eu, como relator, obviamente vou rejeitar!”, escreveu ele no Twitter.

Notícias que você pode gostar