Jornal da Mania

Empresários de ônibus também são alvo da Lava-Jato

14/11/2017 – 08h30

Marcus Marinho

O empresário de ônibus Jacob Barata Filho, e o ex-presidente do Rio Ônibus – sindicato dos empresários do setor – Lélis Teixeira, foram presos de novo pela Polícia Federal. Eles são acusados de participação no esquema de cobrança e pagamento de propina ao ex-governador Sérgio Cabral, e segundo a polícia, com isso, conseguiam autorização para cobrar passagens mais caras. Lélis e Jacob Barata foram presos em casa.

Ouça a cobertura do Jornal da Mania:

Jornal da Mania – de 2ª a 6ª, das 06h às 07h

Por determinação da Justiça, as passagens de ônibus do Rio vão baixar para R$ 3,40. A justiça concluiu que os últimos aumentos foram abusivos. Na quinta-feira que vem, rodoviários do Rio vão cruzar os braços a partir das 4h. Os trabalhadores reclamam de salários atrasados.

Notícias que você pode gostar